Em direcção ao Sul

Terça-feira, 8 de Agosto – Da esquerda para a direita, Jozée Sarrazin, Pierre-Marie Sarradin (co-chefes de missão) e Patrick Siméoni (departamento de "Sistemas submarinos " de La Seyne-sur-Mer) (copyright Ifremer / Campanha Momareto 2006 / Daniel Desbruyères)

 

Avant le départ, sur le pont du Pourquoi pas ?

 

O Pourquoi pas ? partiu da Horta pelas 8h30 desta manhã. O topo da Ilha do Pico estava escondido sobre um chapéu de nuvens. O oceano está calmo, a temperatura da água é de 26°C.

Na companhia de alguns golfinhos, o barco navega em direcção ao sítio hidrotermal Lucky Strike. Há uma concentração febril a bordo.

Cada um monta delicadamente o seu protótipo (as fotos abaixo comprovam-no) e tentam resolver os inevitáveis problemas de última hora. A organização de bordo e a logística associada às futuras experiências começa a tomar forma.

As três equipas (tripulação do navio, cientistas e pilotos do submersível Victor 6000) aprendem a conhecer-se e a trabalhar em conjunto.

O primeiro mergulho aproxima-se… A tensão sobe…

 

Portfolio

O comandante do Pourquoi pas ?, Philippe Guillemet, concentrado... Christoph Waldmann, do Centro para as Ciências Marinhas Marum (Bremen)
Para os técnicos e engenheiros da Genavir, cada detalhe conta... Gérard Hamel (IMPMC) já está mergulhado dentro do seu Periscop...